Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

______BUÇACO______

TEXTOS ,SUBSÍDIOS, APOIO

______BUÇACO______

TEXTOS ,SUBSÍDIOS, APOIO

25
Nov12

PORTA DA RAINHA

Peter

                                                                                                              

Este é um antigo e belo postal representando a Porta

da Rainha no Bussaco em dia de passeio pela Mata

como se pode comprovar pelos varapaus transportados

pelos forasteiros apanhados em descanso.

Esta Porta foi aberta em 1693 para  a passagem da

Rainha de Inglaterra D. Catarina de Bragança , filha

de D.João IV e de Luisa de Gusmão, que pretendia

visitar o Bussaco por razões de fé.

Porque a visita não chegou a ter efeito foi a porta

entaipada e reaberta em 1704 quando passou pelo

Bussaco o Rei D. Pedro II. Foi restaurada em 1876.

A construção desta nova entrada  no Ermitério  

perto da estrada Luso-Mortágua, tirou  mais tarde

importância á Porta de Sula que lhe fica acima três

centenas de metros  e que era até então o principal

acesso para o interior do reino.

Ainda a respeito da Rainha , a impossibilidade da

visita acabou por ser abençoada pois tratar-se-ia

da primeira entrada de mulheres na Cerca

Conventual. Quis a vontade divina, disse-se então,

que tal não acontecesse.

Como curiosidade acrescente-se que foi esta rainha

Catarina, mulher do rei inglês Carlos II, que

introduziu no Reino Unido o uso do tabaco e do chá,

este  segundo que se  veio a tornar depois

num hábito institucional da nação  insular que se

mantem até aos nossos dias.

 

12
Nov12

PILATOS

Peter

 

É poente o caminho e estremeço

em temores obscuros , frustrações

da nudez que me leva,reflexões

de quem já fui,  alguém, que não pareço.

 

a serra é amena , é bela , de ilusões´

se propaga na névoa que conheço

no degrau duma escada ou no avesso

de sombras sob a luz de tentações

 

adoro no silêncio a chuva , o nevoeiro

deuses que tem  do bosque companhia

passos do Carregal á Fonte  Fria

 

do Vale dos Fetos ao adro do Mosteiro

um sestércio em Pilatos, prisioneiro

de mim, deambulando,é fim do dia.

  

08
Nov12

BUÇACO, CEDRO DE 1644 EM RISCO

Peter

 

Na fotografia vê-se o famoso cedro do Buçaco

plantado em1644.Com 368 anos de idade, vê-se agora

na iminência de ruir por inépcia e desinteresse da

Fundação do Buçaco. O cabo que há várias décadas

sustenta em pé o velho exemplar foi partido junto ao

cepo de cimento que o segurava e ninguém se move

para repor a segurança e lhe salvar a vida.

O último responsavel, se ainda vivemos num país com

regras e lei é o Ministério da Agricultura ,que não deve

esquecer que o  Buçaco é uma  Mata Nacional entregue

á gestão de curiosos, entre os quais o presidente

politicamente eleito, um engenheiro civil.

É nosso dever de cidadão zelar pelo que nos

pertence e denunciar sistematicamente

a incompetência e o oportunismo.

A Mata Nacional do Buçaco está a ser destruída.

 


Mais sobre mim

foto do autor

VISITAS

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D